Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Pós-Graduação > UFCG criar o Smart Campus
Início do conteúdo da página

UFCG criar o Smart Campus

Publicado: Quarta, 12 de Junho de 2019, 15h03 | Última atualização em Quarta, 12 de Junho de 2019, 15h06

Pesquisa e inovação aplicados ao desenvolvimento institucional.

Smart Campus ou Campus Inteligente. A ideia inovadora, que envolve a adoção de práticas de uma cidade inteligente dentro de uma universidade, por meio da conexão de dados, sistemas e pessoas, começa a dar os primeiros passos na Universidade Federal de Campina Grande (UFCG). A portaria que cria a iniciativa na instituição, contemplando seu regulamento, foi assinada na última segunda-feira, dia 10, pelo reitor Vicemário Simões.

“Com a criação do Smart Campus, a Prefeitura Universitária espera promover uma gestão mais eficiente para a infraestrutura do campus, baseada nos dados coletados nos projetos desenvolvidos. Além disso, a participação da comunidade universitária no desenvolvimento de soluções para as questões em que é diretamente afetada, permitirá um estreitamento na sua relação com a Administração, promovendo a transparência e incentivando a colaboração”, explica o prefeito universitário, Mário Neto.

Entre os eixos estratégicos do Smart Campus estão material de consumo, energia elétrica, água e esgoto, resíduos sólidos, qualidade de vida, compras e contratações sustentáveis, mobilidade e segurança, urbanização, paisagismo e acessibilidade, educação ambiental, uso e ocupação de espaços, entre outras ações. Os projetos a serem desenvolvidos no âmbito da iniciativa serão selecionados por meio de editais próprios a serem elaborados pelo Conselho Deliberativo, órgão superior do Smart Campus.

Para o vice-reitor e secretário de Planejamento, Camilo Farias, a criação do Smart Campus é um marco para o desenvolvimento institucional que, ao inaugurar um novo tempo nas relações administrativas e acadêmicas, promove a sinergia entre as unidades gerenciais e a comunidade universitária. “Meu sentimento é de que a universidade deve ser plataforma pioneira das suas inovações, reforçando o seu papel de vanguarda no desenvolvimento social e tecnológico.”

Ao ressaltar a importância da criação do Smart Campus UFCG, Camilo Farias anunciou que o projeto será apresentado no Fórum Nacional de Pró-Reitores de Planejamento e Administração (Forplad), que terá a sua segunda reunião anual em Campina Grande na próxima semana, de 17 a 19 de junho. “Estaremos apresentando o nosso modelo para execução dos planos institucionais, privilegiando a sustentabilidade ambiental e a eficiência na gestão dos recursos públicos”, comentou.

A Portaria de criação do Smart Campus foi publicada nesta segunda-feira, dia 11, no Boletim de Serviço da Reitoria.

(Ascom UFCG)

registrado em: ,
Assunto(s):
Fim do conteúdo da página