Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Curso da UFCG atinge padrão internacional de excelência na avaliação da Capes
Início do conteúdo da página

Curso da UFCG atinge padrão internacional de excelência na avaliação da Capes

Última atualização em Quinta, 21 de Setembro de 2017, 17h53

A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) entrou na lista das instituições com programa de pós-graduação com conceito máximo na avaliação quadrienal da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) - que equivale a padrões internacionais de excelência. O resultado, conceituando 4.175 programas do país, foi divulgado nessa terça-feira, dia 19.

“A nota sete obtida pelo Programa de Pós-graduação em Engenharia Elétrica promove ainda mais o reconhecimento internacional da UFCG”, afirmou o reitor Vicemário Simões. Na área, apenas os programas da PUC/Rio e da USP/São Carlos obtiveram o mesmo conceito.

O Doutorado em Matemática (associado com a UFPB), atingindo o conceito cinco, e os programas de Letras (Mestrado em Linguagem e Ensino) e o de Sociologia (Mestrado e Doutorado em Ciências Sociais), que elevaram seus conceitos para quatro, “aumentam o realce da instituição nacionalmente”, avaliou o reitor, destacando ainda o bom desempenho de outros programas.

"Os que permaneceram com conceitos inalterados - a exemplo do Mestrado profissional em Matemática e dos mestrados e doutorados em Engenharia Agrícola e em Engenharia de Materiais, com cinco - têm papel relevante e mantém a pós-graduação da UFCG entre as de destaque nacional", considerou.

Para o pró-reitor de Pós-Graduação, Benemar Alencar, "a avaliação também é importante para reorientar os programas que tiveram seus conceitos baixados". Numa análise global, destacou os avanços da UFCG na área de Humanas (dois dos três programas aumentaram seus conceitos) e atribuiu os resultados adversos de Medicina Veterinária e Meteorologia a fatores circunstanciais, "uma vez que são consolidados e reconhecidos nacionalmente".

"Os fatores impactantes nas avaliações de Zootecnia e das engenharias de Processos e Química serão levantados para que possamos estabelecer ações para retomada dos patamares em que se colocavam", comentou o pró-reitor.

O diretor do Centro de Engenharia Elétrica e Informática (CEEI), José Sérgio da Rocha Neto, ao parabenizar os que fazem o programa de Pós-graduação em Engenharia Elétrica, lembrou que o curso, já reconhecido internacionalmente, chega à pontuação máxima pelas conquistas constantes da sua graduação (cinco estrelas, em avaliações nacionais há mais de dez anos) e pós-graduação (conceito seis em avaliações anteriores), provendo os talentos que a destacam. "Todos os que fazem a Engenharia Elétrica estão de parabéns", resumiu.

Destaque

O programa de Engenharia Elétrica da UFCG está entre os 179 programas de pós-graduação do país (4,3%) com desempenho equivalente a padrões internacionais de excelência, com nota 7.

Confira aqui a tabela de Cursos de Pós-Graduação da UFCG.

Dos 4.175 programas avaliados, 6,8% atingiu nota 6 (também nível de excelência internacional), 18% atingiu nota 5 (nível de excelência nacional). As notas 4 e 5 significam um desempenho entre bom e muito bom. Aos cursos que apresentam padrões mínimos de qualidade, com desempenho médio, é atribuída nota 3.

Avaliação Quadrienal

A Avaliação Quadrienal 2017 foi realizada por 1.550 consultores, que se reuniram no edifício-sede da Capes, em Brasília, de 3 de julho a 11 de agosto deste ano. Os consultores avaliaram os 4.175 programas e seus 6.303 cursos, sendo 3.398 de mestrado, 2.202 de doutorado e 703 de mestrado profissional.

As comissões utilizam como base para a avaliação as informações fornecidas de forma contínua pelos programas durante o período avaliado, por meio da Plataforma Sucupira. Ao início de cada ano, as informações referentes ao ano anterior são chanceladas pelos pró-reitores.

(Ascom UFCG, com dados da Capes - 21/09/2017)

registrado em:
Fim do conteúdo da página